Vacinas NÃO CAUSAM Autismo

Galera, isso é BEM perigoso e já estava prevendo que essa onda anti-vacinação chegaria ao Brasil mais cedo ou mais tarde. Estão compartilhando um link de um “estudo” que “mostra evidências” de que vacinas causam autismo (eu não vou reproduzir o link aqui, para não dar mais margem à história). Isso é MENTIRA e há uma ENORME diferença entre 1 estudo isolado e um consenso científico (que nesse caso, aponta para total falta de relação entre vacinas e autismo). Nos últimos 5 anos, tivemos surtos de doenças que já haviam sido erradicadas (principalmente SARAMPO, COQUELUCHE e RUBÉOLA) e CRIANÇAS ESTÃO MORRENDO por falta de vacinação. Muito MUITO cuidado com informação que vem fácil via facebook. Não estou dizendo para acreditar no que EU digo, mas procurem estudos, analisem dados antes de compartilhar. Eu sei que dá mais trabalho, e o botão “share” tá bem pertinho, mas nesse caso são VIDAS em perigo. 

A Fundação Autismo e Ciência (livre tradução minha mesmo) dedica-se à pesquisa de tratamentos e causas REAIS do autismo, e eles possuem uma página em seu site dedicada apenas ao assunto “vacinas vs autismo” onde mostram com clareza absoluta (e links para uma infinidade de artigos publicados) como NÃO há relação entre vacinas e autismo e que a MAIOR ameaça para as crianças é a FALTA de imunização!
[atualização1: no calor do momento acabei deixando de fora um link essencial – esse site mostra a contagem de casos e mortes por doenças que poderiam ser prevenidas com vacinas vs. os casos comprovados de autismo causado por vacinação
http://www.antivaccinebodycount.com/Anti-Vaccine_Body_Count/Home.html]
Quem quiser MAIS evidências, pode seguir lendo (e eu aconselho a fazer isso):
Eu venho acompanhando esses casos há alguns anos, mas as fontes que leio normalmente são em inglês, vou procurar algo em português para postar aqui. Quem não tiver dificuldade com a língua inglesa, o blog do Phil Plait, que tem um VASTO arquivo sobre o assunto, com dados de todos os estudos.
(notem que esse post é de 2008 e já fala sobre esse link que está chegando agora aqui no fb-br)
outros links do Phil Plait:
Nesse link tem a história completa de onde surgiu esse mito e mais informações sobre a segurança das vacinas. O título da matéria “Correlação não significa Causa” é algo que devemos sempre ter em mente. Não é porque duas coisas aconteceram mais ou menos ao mesmo tempo que uma foi causa da outra (como dizem os anti-vacinação, que os casos de autismo aumentaram logo depois da introdução das vacinas)
Aqui há muita informação sobre vacinas:
Por favor, compartilhem… é MUITO sério, é MUITO importante. 
Ser cético não é acreditar na primeira bobagem que “faça sentido” que publicam no facebook, isso só é ser manipulado. Ser cético é analisar dados e ver onde está o consenso científico. É saber que UM cientista não é A CIÊNCIA e que assim como em todas as profissões, existem bons e maus cientistas, por isso o consenso é MUITO importante.

[atualização2: vou postar aqui uma parte da discussão que tive com uma amiga via facebook, que acredito ter ficado bastante elucidativo – link para a imagem maior]



Anúncios