queermuseu | sobre liberdades e movimentos

ARQUIVO 12/09/2017 CADERNO2 / CADERNO 2 / C2 / USO EDITORIAL RESTRITO / A exposição Queermuseu – Cartografias da Diferença na Arte Brasileira, em cartaz no Santander Cultural até 8 de outubro, promove o questionamento entre a realidade das obras e o mundo atual. FOTO Fredy Vieira / SANTANDER CULTURAL

 

Tudo já foi amplamente dito e escrito sobre a exposição Queermuseu, censurada em Porto Alegre.

Apenas quero apontar que dentre todas as ironias e hipocrisias das falsas moralidades, as intenções ficam claríssimas quando um certo MOVIMENTO BRASIL LIVRE promove censura, mordaça e obscurantismo.

 

Acho que isso já diz tudo.

 

 

Para entender sobre o assunto:

http://cultura.estadao.com.br/noticias/artes,exposicao-sobre-diversidade-sexual-e-cancelada-apos-repercussao-negativa,70001983960

http://cultura.estadao.com.br/noticias/artes,museus-ja-adotam-autocensura-para-evitar-repeticao-do-caso-santander,70001990679

http://cultura.estadao.com.br/noticias/artes,exposicao-suspensa-no-rs-pode-reabrir-em-belo-horizonte,70001990425

Anúncios

falta de água e de pensamento crítico

Bom galera, senta que o post vai ser longo. Ou levanta, pois eu vou dizer algumas coisas que podem não ser tão confortáveis assim de se ler.

Resolveu ficar? acha que é forte o suficiente? depois não diga que eu não avisei hein? certo, então vamos lá:

O SEU CÉREBRO É FALHO. Sua capacidade de entendimento das coisas foi MUITO ultrapassada pela ciência. Hoje em dia nós conseguimos dados sobre coisas que não temos a MENOR capacidade de abstração para conseguir entender ou mesmo fazer uma vaga idéia.

Responde rápido: você sabe quanto é 1 bilhão de reais? Quando eu digo que o Sol está há 150.000.000km da Terra, você tem que ficar contando zerinhos pra entender que se tratam de 150 milhões de quilômetros (e admita, saber isso não fez a MENOR diferença pra você ter alguma noção dessa distância).

Isso porque o nosso cérebro evoluiu as habilidades necessárias para a nossa sobrevivência, isto é: achar comida, fazer sexo e evitar ser morto por predadores antes de fazer sexo. As habilidades que precisamos para isso: reconhecer padrões, tomar decisões baseadas no que conseguimos ver e medir.

Imagina um homem das cavernas, lá na savana africana, vendo uma cena como essa:

 

Quantos búfalos têm aí? Essa pergunta só faz sentido se você for o Rei do Gado e está contando suas cabeças de búfalo, mas se você é um homem das cavernas querendo sobreviver, você sabe exatamente quantos búfalos têm aí: UM MONTÃO! Quantidade suficiente pra você ficar LONGE. E segue a vida. Ninguém precisava saber exatamente de quantos búfalos você sobreviveu. Até pra contar a história lá na aldeia, não ia ter um chato perguntando quantos eram. MUITOS era um número completamente válido (inclusive para algumas tribos que sobreviveram até hoje).

Nesse momento você deve estar bradando aí internamente (ou os mais exaltados até deve estar xingando a pobre tela de LCD e expelindo perdigotos na coitada) “EU SOU UM SER EVOLUÍDO! NÃO SOU UMA PORRA DE UM ÍNDIO!”

Ah não? Então mostraí fera, quanto é uma pilha de 1 bilhão de dólares? Cabe na carteira? Cabe na sua sala? E o seu carro tem autonomia pra fazer uma viagem de 150 milhões de quilômetros até o Sol? Vamos mais alguns exemplos? Você sabe quantas “Terras” cabem dentro do Sol? 1 milhão! Sabe quanto é isso?

IMG_2171

Agora aproveitando essa imagem bacana aí em cima: você conhece nosso planeta né? Já viu alguma foto da Terra vista do espaço? A NASA chamou a primeira foto dessas, feita pela missão Apollo de “The Blue Marble” (algo como “Bolinha de Gude Azul”).

Earth_s_true_colours

Guilherme Arantes, quando viu essa imagem compôs “Terra, Planeta Água” (sim, chato pra cacete).

Afinal, não faz o MENOR sentido chamar de Terra algo que tem 2/3 de sua superfície coberta por água, certo? ERRADO! Olha aí nossos olhos pregando peças de novo. Olha aí, novamente você se achando o ápice da evolução (desculpe, você não é mais evoluído que um peixe ou que uma bactéria que vive no seu intestino). Na imagem abaixo, vemos 3 “gotinhas” a maior é o total de água do planeta (sim, TODA a água da Terra, incluindo a água dos mares, polos, icebergs, lençóis freáticos, cavernas, atmosfera e até a água que há nos corpos dos seres vivos, como eu, você e todos os outros seres), a segunda, representa toda a água líquida e doce e a terceira, sim esse pontinho azul que mal dá pra ver, representa toda a água em rios e lagos.

global-water-volume-fresh-large

 

Vou dar um minutinho pra você recolher o queixo que caiu.

Enquanto isso, se você quiser ler mais a respeito, sugiro esse link (em inglês).

Somos muito bons em reconhecer padrões onde não existe e somos extremamente bons em acreditar nesses padrões (afinal, nossa vida sempre dependeu disso e nós, como espécie, sobrevivemos), portanto não dá pra não acreditar certo? ERRADO de novo. Nosso conhecimento ultrapassou e MUITO o que a evolução nos deu de ferramentas para lidar.

Vou dar mais um exemplo: já ouviu falar em PAREIDOLIA? É a nossa “capacidade” de encontrar rostos inclusive onde não existe.

enhanced-buzz-32408-1259894121-28-243x300 Pareidolia-3 pareidolia-peppers-l z-Martian_face_viking_cropp

(divertido né? Mas pensa que tem gente rezando pra torradas ou paranóico por o governo estar escondendo A VERDADE sobre Marte).

Como lidar com isso? É SIMPLES… questione suas percepções, questione suas crenças, pare de pensar que pensa!

E por falar em “pensar que pensa” esse cidadão começou certo, questionou a crise hídrica de São Paulo, mas errou, errou feio, errou rude ao achar que sua percepção sobre o que é cheio/vazio e muito/pouco é absoluta. E foi essa a grande bobagem que ele cometeu (muita gente já veio me perguntar sobre esse vídeo, que tá rolando há umas semanas pelo facebook).

 

OHHHHHHHH Quanta água né???? (antes de responder, lembrem daquela imagem do planeta com as gotinhas representando TODA a água do planeta).

Aqui está uma lista dos principais reservatórios que abastecem São Paulo e suas capacidades (tirei desse link aqui)

Sistema Cantareira:
Capacidade total: 1 trilhão de litros
População que abastece: 6,5 milhões

Sistema Alto Tietê:
Capacidade total: 520 bilhões de litros
População que abastece: 4,5 milhões

Sistema Guarapiranga:
Capacidade total: 171 bilhões de litros
População que abastece: 4,9 milhões

Sistema Rio Grande:
Capacidade total: 112 bilhões de litros
População que abastece: 1,2 milhão

Sistema Alto Cotia:
Capacidade total: 16 bilhões de litros
População que abastece: 410 mil

Sistema Rio Claro:
Capacidade total: 13 bilhões de litros
População que abastece: 1,5 milhão de pessoas.

 

Reparou? Cabem 1 TRILHÃO de litros de água no sistema Cantareira. 5% disso é cerca de 50 BILHÕES DE LITROS de água (lembra dos búfalos? você sabe contar quantos litros de água têm ali naquele vídeo?). E 6,5 milhões de pessoas (o tanto que o sistema abastece) consomem quanta água por dia? Se enfileirarmos 6,5 milhões de pessoas, vai dar uma fila de quantos km?

Nosso cérebro que evoluiu para ser ótimo em arrumar comida e sobreviver até conseguir transar e deixar descendentes não consegue entender essas medidas. Ainda juntamos um governo incompetente e uma história de conspiração, de que tem guardas que não deixam ninguém filmar nem fotografar e a parada fica completamente irresistível (lembra do rosto de Marte, aí em cima?). O cidadão passa pela represa, vê 50 bilhões de litros de água e chega a conclusão de que há uma conspiração do governo para esconder a água da população.

Agora vamos pensar mais um pouquinho?

• Já falamos aqui DIVERSAS vezes sobre a incapacidade de entendermos esses grandes números e volumes de água x população atendida x consumo

• Por que diabos um governo que já se mostrou completamente incompetente acaba com seu resto de popularidade escondendo a água da população?

• Como ele diz no vídeo: “Pra onde está indo essa água”? Será que o imbecil do Alckmin fez TANTA merda que precisa de 50 bilhões de litros de água pra dar a descarga? (é, olhando por essa ótica essa hipótese faz até que bastante sentido.. rs)

• Se a água tá sendo “desviada”, por que a imprensa não divulga isso? Quer dizer, NENHUM órgão da imprensa divulga. Será que são eles que estão recebendo TODA a água em troca de acobertarem a farsa?

• E os policiais que não deixam ninguém filmar, qualquer um que aparecesse para uma entrevista receberia uma bolada. Será que eles estão recebendo reforços nos salários também para encobrir a farsa?

• Será que essa conspiração para esconder a água da população valeria a pena por ser TÃO cara e TÃO difícil de manter? E com qual propósito?

• A propósito, uma conspiração desse tamanho teria que, necessariamente envolver as 3 esferas do governo (municipal, estadual e federal) e em diversos municípios do Estado de São Paulo. Essas esferas têm em seu comando partidos de oposição e de governo. Imagina o inferno que seria um pacto político que satisfaça TODOS os envolvidos (prefeitos, vereadores, secretários, deputados estaduais, governador, ministros, deputados federais, senadores e a presidente da república), sem contar a diretoria de todas as empresas envolvidas (inclusive na geração e distribuição de energia elétrica), a Agência Nacional de Águas e o Operador Nacional do Sistema Elétrico (fora umas milhares de outras instâncias burocráticas que eu não consigo nem imaginar que existam, mas que também iam querer sua boquinha pra manter o segredo). E novamente: A troco do que? Qual a grande vantagem?

• E o mercado financeiro? Tá todo mundo dizendo que a Sabesp só visa o lucro, porém por que eles fariam parte dessa conspiração que está acabando com o valor de mercado das ações da empresa na Bolsa de Valores? (veja o gráfico com o desempenho da ação, ladeira abaixo desde julho do ano passado)

Screen Shot 2015-02-03 at 10.03.22 PM

Viram como é até divertido fazer esse exercício? A gente começa questionando algo com um argumento que aparentemente faz todo sentido, depois questionamos esse argumento e o bombardeamos de perguntas. Será que ele sobrevive? Se sobreviver, será que não estamos cometendo nenhum equívoco de percepção? Se você consegue entender isso e chegar essas conclusões, seja muito bem-vindo. Você está adentrando o maravilhoso mundo do método científico e está começando a treinar seu cérebro para conseguir entender melhor esse universo fascinante em que vivemos.

 

Boa viagem! (mas não se esqueça de ECONOMIZAR água… SEMPRE)

Vacinas NÃO CAUSAM Autismo

Galera, isso é BEM perigoso e já estava prevendo que essa onda anti-vacinação chegaria ao Brasil mais cedo ou mais tarde. Estão compartilhando um link de um “estudo” que “mostra evidências” de que vacinas causam autismo (eu não vou reproduzir o link aqui, para não dar mais margem à história). Isso é MENTIRA e há uma ENORME diferença entre 1 estudo isolado e um consenso científico (que nesse caso, aponta para total falta de relação entre vacinas e autismo). Nos últimos 5 anos, tivemos surtos de doenças que já haviam sido erradicadas (principalmente SARAMPO, COQUELUCHE e RUBÉOLA) e CRIANÇAS ESTÃO MORRENDO por falta de vacinação. Muito MUITO cuidado com informação que vem fácil via facebook. Não estou dizendo para acreditar no que EU digo, mas procurem estudos, analisem dados antes de compartilhar. Eu sei que dá mais trabalho, e o botão “share” tá bem pertinho, mas nesse caso são VIDAS em perigo. 

A Fundação Autismo e Ciência (livre tradução minha mesmo) dedica-se à pesquisa de tratamentos e causas REAIS do autismo, e eles possuem uma página em seu site dedicada apenas ao assunto “vacinas vs autismo” onde mostram com clareza absoluta (e links para uma infinidade de artigos publicados) como NÃO há relação entre vacinas e autismo e que a MAIOR ameaça para as crianças é a FALTA de imunização!
[atualização1: no calor do momento acabei deixando de fora um link essencial – esse site mostra a contagem de casos e mortes por doenças que poderiam ser prevenidas com vacinas vs. os casos comprovados de autismo causado por vacinação
http://www.antivaccinebodycount.com/Anti-Vaccine_Body_Count/Home.html]
Quem quiser MAIS evidências, pode seguir lendo (e eu aconselho a fazer isso):
Eu venho acompanhando esses casos há alguns anos, mas as fontes que leio normalmente são em inglês, vou procurar algo em português para postar aqui. Quem não tiver dificuldade com a língua inglesa, o blog do Phil Plait, que tem um VASTO arquivo sobre o assunto, com dados de todos os estudos.
(notem que esse post é de 2008 e já fala sobre esse link que está chegando agora aqui no fb-br)
outros links do Phil Plait:
Nesse link tem a história completa de onde surgiu esse mito e mais informações sobre a segurança das vacinas. O título da matéria “Correlação não significa Causa” é algo que devemos sempre ter em mente. Não é porque duas coisas aconteceram mais ou menos ao mesmo tempo que uma foi causa da outra (como dizem os anti-vacinação, que os casos de autismo aumentaram logo depois da introdução das vacinas)
Aqui há muita informação sobre vacinas:
Por favor, compartilhem… é MUITO sério, é MUITO importante. 
Ser cético não é acreditar na primeira bobagem que “faça sentido” que publicam no facebook, isso só é ser manipulado. Ser cético é analisar dados e ver onde está o consenso científico. É saber que UM cientista não é A CIÊNCIA e que assim como em todas as profissões, existem bons e maus cientistas, por isso o consenso é MUITO importante.

[atualização2: vou postar aqui uma parte da discussão que tive com uma amiga via facebook, que acredito ter ficado bastante elucidativo – link para a imagem maior]